Deserto de Tatacoa, Colombia


O Deserto de Tatacoa ainda é pouco conhecido entre os turistas, mas acredito que isso não será por muito tempo. Sua beleza é de outro mundo e é uma das maiores zonas desérticas da Colombia com 330 km², com pouca vegetação, alta temperatura, erosão e muito calor, o que para nós, muitas vezes parecia cenas de filme.

Para chegar até lá tivemos Neiva como nossa base. A cidade fica a 40km do deserto e recebe grande parte dos turistas da região. Outra opção é ficar hospedado mais próximo do deserto, em Villavieja ou até mesmo acampar no deserto. 

Como foi nosso dia no Deserto de Tatacoa

Depois de pesquisar um pouco como chegar ao Deserto de Tatacoa e o que poderíamos conhecer sem um transporte privado – e nesse caso sempre dependendo do taxista ou moto taxi, decidimos procurar uma empresa que fizesse o passeio sem que nos valesse um rim!

E logo encontramos a Green Vacation Colombia, nosso contato foi 100% pela página do Facebook, com a Sra. Yolima Peña que estava sempre a diposição, com respostas rápidas e claras explicações que nos deixaram confortáveis e fechamos tour com eles no dia seguinte.

O dia começou cedo, o Sr. Andres nos pegou pontualmente no hotel que estavamos hospedados, não há reclamações do serviço prestado :).

Nossa primeira parada foi no Museu Paleontológico de Villavieja, e lá conhecemos um pouco mais da história da região e do Deserto de Tatacoa. Estacionamos na praça da cidade, o Sr. Andres pagou nossa entrada e lá ficamos por um tempo, não é nada grande, mas tem bastante informações, curiosidades e até fosseis de animais encontrados no deserto.

Na saída do museu encontramos com o nosso guia e seguimos para conhecer alguns pontos importantes de Tatacoa como El Cusco, as Ventanas e Los Hoyos.

O sol estava quente como é de se esperar em um dia no deserto, às vezes as nuvens apareciam e ajudavam a dar aquela aliviada no calor. Seguimos nossa caminhada sentido a uma piscina. Isso mesmo, piscina! E por essa você não esperava, não é mesmo? Muito menos nós. Mas é na região de Los Hoyos que você pode ter a chance de tomar um bom e refrescante banho, e com um visual incrível a sua volta. O valor é pago a parte, e na época custava COP $5.000,00 (USD 1.60).

Nosso dia não acabou com o banho de piscina, dali seguimos de carro até outra parte do deserto, onde caminhamos mais um pouco pela região da Torre das Catedrais. As nuvens e a chuva ajudou a refrescar mais ainda o dia. E quanto mais caminhávamos, mais encatados ficavamos com tanta beleza de um lugar tão inospito.

Nosso dia de deserto estava terminando, então paramos próximo ao Observatório, nosso guia ficou por ali conosco, tomamos um suco e esperamos o horário de abertura, às 19h. Tivemos sorte com algumas nuvens que foram embora e pudemos ter uma boa e privilegiada vista das estrelas, lua e planetas.

A pouca ou quase zero luz da região faz com que que esse pequeno observatório tenha privilégios, fazendo dele um ótimo ponto para observar e contemplar o do céu. Tudo é muito simples, mas daqui conseguimos ver estrelas e vimos a lua como nunca antes havia visto! Uma experiência inesquecível!

Com quem fizemos o tour
Green Vacation Colombia
agencia.greenvacation@gmail.com

Quanto custou
COP $ 260.000 (US$80,00) / 2 pessoas
Incluso: Guia, Transporte ida e volta, Entradas (Museu Paleontológico de Villavieja + Deserto + Observatório) e um snack. Além de água à vontade.

Quando fomos
Dia 8 de Novembro de 2016

Assista aqui e saiba mais sobre nosso dia no deserto

Como chegar em Neiva

Uma das formas de chegar até Neiva é encarar uma viagem de ônibus, e é possível fazer esse trajeto com a empresa Bolivariano. São 9h/10h de viagem, desde Cali e 10h/11h desde Bogotá. Busque pelos horários noturnos para viajar, ganhe tempo e economize um dia de hospedagem. Mas se estiver viajando de carro o tempo de viagem pode variar, e as estradas não são ruins. 

Um jeito rápido de chegar e sair da cidade é voando! As empresas Avianca e Easyfly operam voos diários com duração de 1h desde Bogotá. E há também voos desde Cali, mas esses são mais longos, pois passam por Bogotá antes e a espera da escala é longa. 

Onde ficar

Neiva
Nós ficamos hospedados no Hotel Metropolitano, localizado no centro comercial da cidade, próximo ao Parque Santander. O atendimento foi bom, não havia café da manhã, o que não é um problema para nós, pois geralmente temos nossa comida e comemos no quarto (uma forma de economizar uma grana).

Villavieja e Deserto
Se preferir se hospedar mais próximo do deserto, a opçõe é ficar em  Villavieja. Como o nome diz, é uma vila, cidade simples e bem pequena, mas que consegue receber bem os turistas. Nós não ficamos hospedados lá, mas lembro de quase ter fechado esse hotel, caso fossemos ficar por lá, o Hotel Colonial Villavieja.

Veja aqui outras opções de hospedagem em Villavieja 

E também é possível se hospedar dentro do deserto, só tivemos conhecimento disso quando chegamos por lá. Mas fica a dica, caso queira vivenciar mais ainda a experiência de Tatacoa.

Onde Comer

Se você ficar hospedado em Neiva, indicamos o 14/54 Bistro Restaurante, não é dos mais baratos, mas a comida é muito boa e tem um cardápio bem variado. E na mesma rua do Bistro há outras opções de restaurantes, cafés e sorveterias. 

Outra região interessante para encontrar restaurantes é próximo ao Parque Santander, e uma sugestão nossa aqui é o La Santa Hamburguesa ou do Magra Restaurante.

Bogotá – Leia o que aprendemos por lá! 

Mapa da região

Cau

Brasileira, 30 anos, formada em Marketing. Apaixonada por viagens e tudo que um novo mundo pode proporcionar. Gosta de esportes de aventura. Se aventura também na diagramação dos guias do ViVeVi.

Sem comentários

Adicione o seu

Booking.com