San Gil, muitas aventuras na Colombia


A pequena cidade de San Gil começa a aparecer no mapa turístico colombiano. Uma cidade cheia de simplicidade, mas com muitas aventuras e adrenalina ao ar livre, principalmente para aqueles amantes da natureza, como nós! 

Como chegar

Chegamos de ônibus desde Medellin, mas não foi uma viagem direta. Como não há ônibus que realizam o trecho direto até San Gil, tivemos que pegar 2 transportes. Primeiro um ônibus até Bucaramanga, com a Empresa Copetran (passagem $50.000 COP por pessoa / USD 16); e depois um segundo até San Gil ($15.000 / USD 5), essa segunda viagem levou cerca de 3h. Fizemos o primeiro trecho durante a noite, chegando cedo em Bucaramanga e antes das 12h em San Gil. 

Não lembro por qual empresa que viajamos de Bucaramanga até San Gil, mas isso não é um problema. Assim que chegar no terminal não será dificil encontrar as que operam nesse trecho. Há mini vans que realizam o percurso, e nós fomos em uma dessas.

San Gil também é destino para quem vem de Bogotá, são apenas 300km, de 4 a 5 horas de viagem; ou de Santa Marta, porém um caminho um pouco mais longo que pode variar de 10 a 14 horas de ônibus.

Avião também é uma opção, mas não tem como escapar de um trecho de ônibus, pois o aeroporto mais próximo está localizado em Bucaramanga. Consulte por passagens com a Viva Colombia, uma companhia comlombiano com um bom custo/benefício.

Onde ficar

Ficamos 4 noites por aqui, a cidade tem muitos atrativos, mas como nós estavámos um pouco preocupados com a nossa ida para Venezuela, então ficamos alguns dias apenas levantando contatos e organizando nossa ida para um país, como posso dizer, um país interessante, mas complicado. 

Nos hospedamos no Casa Rome Hostel, um hostel com ar de pousada ou um hotel mais simples, mas bem aconchegante. O dono também foi bem atencioso conosco. Ficamos em um quardo de casal, com banheiro privativo. O café da manhã era simples e cozinha liberada para uso dos hóspedes.

O que fazer

O que não falta é o que fazer por aqui, a cidade nos lembrou muito Brotas, a capital radical do interior de São Paulo. Tínhamos um lista do que gostaríamos e poderíamos fazer como Rafting, Rappel, Parapente e Bungee Jump.

O Marcos estava todo animado e ansioso com o Bungee Jump, mas no dia marcado para o salto foi exatamente o dia que acordamos com a triste notícia do acidente do time de futebol de Chapecó. O clima de diversão acabou, ainda mais para nós, brasileiros, e ele, fanático por futebol. No fim acabamos fazendo apenas uma das muitas aventuras que gostaríamos. 

O Rafting no rio Suarez foi mais que divertido :), fizemos o passeio com a Colombia Rafting Expeditions, o dono da nossa hospedagem fechou o passeio com eles, foi sensacional e contamos mais aqui como foi esse dia. 

Baixe nosso Mini Guia Colombia, tenha mais dicas e sugestões de roteiro

Onde Comer

Adoramos caminhar pelas ruas de San Gil, como a cidade é pequena tudo esta bem próximo e o que não falta na cidade são opções para restaurantes. Não há nada muito luxuoso, mas o tempero Colambiano é muito bom! 

Como cozinhamos alguns dias no hostel, acabamos comemos pouco fora. Mas se tem um lugar que acertamos em cheio foi o Gringo Mike’s. Um dos melhores da cidade e o forte da casa são os hambúrgueres. Se tiver oportunidade prove as opções vegetarianas e não saia de lá sem se deliciar com o cookie gigante de chocolate com sorvete. 

Cookie em San Gil

Outros lugares que também comemos foi no El mezon del arriero, localizado no centro da cidade, é uma boa escolha para um refeição tipicamente Colombiana. O cantinho é pequeno e simples. 

O Centro Comercial El Puente é outra opção para um café, almoço e até mesmo para esticar o passeio pela cidade.

Veja essas e outras dicas de locais no mapa da cidade.

Mapa de San Gil

Cau

Brasileira, 30 anos, formada em Marketing. Apaixonada por viagens e tudo que um novo mundo pode proporcionar. Gosta de esportes de aventura. Se aventura também na diagramação dos guias do ViVeVi.

Sem comentários

Adicione o seu

Booking.com